NOTÍCIAS

01/06/2020

Juristas dizem "basta" a Bolsonaro em manifesto contra ofensivas à democracia

Um grupo de juristas e advogados se organizou para lançar neste domingo (31/5) o manifesto "Basta" contra ataques do presidente Jair Bolsonaro às instituições.

O texto afirma que "o Brasil, suas instituições, seu povo não podem continuar a ser agredidos por alguém que, ungido democraticamente ao cargo de presidente da República, exerce o nobre mandato que lhe foi conferido para arruinar com os alicerces de nosso sistema democrático, atentando, a um só tempo, contra os Poderes Legislativo e Judiciário, contra o Estado de Direito, contra a saúde dos brasileiros, agindo despudoradamente, à luz do dia, incapaz de demonstrar qualquer espírito cívico ou de compaixão para com o sofrimento de tantos".

O manifesto aponta crimes de responsabilidade e afirma que o país "é jogado ao precipício de uma crise política quando já imerso no abismo de uma pandemia que encontra no Brasil seu ambiente mais favorável, mercê de uma ação genocida do presidente da República".

O texto afirma ainda que os juristas que assinaram o documento não vão se omitir em cobrar responsabilidade de todos que pactuam com essa situação.